19/11/2008

"Sem título"

Eu devo ter feito errado .
As conseqüencias dos meus atos vêem acoando dolorosamente sobre mim .
São palavras que conseguem desparar meu coração , são coisas que eu sei que vou levar pra sempre.
Que explodem sobre a minha pele , mostrando para os outros o que ocorre em mim .
Já não digo tão poeticamente oq eu eu sinto , eu mesma já me sinto diferente.
Dou graças à Deus por meus dias passarem tão rápido !
Porque parece que eu estou em busca de algo , que nem eu sei o que é . Seja lá o que eu procuro espero um dia encontrar. Estamos perdidos , mas nem sabemos onde .
Tenho treze anos, nome de deusa, traseiro de funkeira , e a cabeça de ealguém de 70 anos , eu acho. Já me sinto no fim da vida , mas paro e vejo que ela mal começou . Me sinto fora do contexto, como se eu não fizesse parte desse mundo, que eu fosse superior. É estranho.
Meus pais adotaram um extraterrestre !?
Nem consigo mais me imaginar com apenas alguns dias de vida.
Tenho a sensação que já vivi demais, já fiz tudo o que eu devia ter feito. Viver pra mim se tornou uma tarefa chata , que eu já não quero mais cumprir.
Peço que jogue minhas coisas pela janela , queime minhas lembranças, acabe com os meus desejos e mate meus amigos. Assim não vejo razão em nada .
Aí poderei morrer , quem sabe. Se eu estiver enganada , acho que conseguirei voltar atrás .
Faça o seu comentario!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

© 2014 Conspiração Vital - Todos os Direitos Reservados | Design por Ceres Bifano, Diagramação por  Matheus Pacheco.