24/12/2008

"Sem título"

As cenas secretas dos meus sonhos vão se realizando sobre sobre a poeira dos asfaltos e debaixo da Lua . Beijos roubados em cozinhas , corações desparados por pintas , casamentos combinados e um calor descarado .Músicas me embalam , gramas me coçam, braços me consolam. Trocas de olhares sem sentido, de mãos dadas com você iria ao infinito . Caiu no meio da selva, sem direção . E que conincidência, emu amor, encontrou meu coração . Não seja apenas o número doze da minha lista, você prometeu que não sumiria . Ele gosta do meu nariz , seria tudo o que eu sempre quis ? Seu cheiro ficou em mim até as cinco da manhã. Quero você ontem, hoje , enquanto eu existir ? Estamos agora na fase das perguntas . O que nos falata agora é um pouco de paciência . I NEED YOU , ALL THIS TIME ♥ . o5/1o/o8

2 comentários:

  1. Não vou comentar a respeito do sentimento pois não devo =X
    Mas sobre a escrita...
    Continua conseguindo passar grandes sentimentos em palavras simples.
    Meus Parabens.

    ResponderExcluir
  2. Ótimo texto. Bela escrita.
    Quando o li, vi que há grande sentimento nele. Vi que há uma expressão muito forte nele. E essa expressão que me agrada em textos. Eles não se tornam palavras; sim sentimentos impressos por símbolos.

    Adorei. ^^

    ResponderExcluir

© 2014 Conspiração Vital - Todos os Direitos Reservados | Design por Ceres Bifano, Diagramação por  Matheus Pacheco.