23/06/2010

Leãozinho


Se não fossem pelos sites de relacionamento e todas essas coisas do século XXI, talvez isso tudo não existisse. Não saberia a cor dos seus olhos, do seu cabelo, ou até mesmo, seus gostos e pensamentos. Eu nunca te vi, mas sua imagem já é (sempre foi, e sempre será) nítida em mim. Não tenho muito o que dizer, mas sei que gosto dos seus abraços de píxels, seu desabafo cibernético, e seu sotaque paulista, que, aliás, eu acho uma graça. Acho que o espaço que você ocupa no meu coração, talvez seja maior, mais intenso e muito mais importante quanto de alguém que está perto de mim.
Nossa amizade movida a energia hidrelétrica convertida em elétrica, cabos, conexões, e a Embratel (eu acho), me deixa muito, mas muito feliz, você não sabe o quanto.
Nunca acreditei nesse tipo de coisa, mas ah, você me fez pensar diferente sobre muitas coisas.
Então, pra terminar a ladainha e esse texto sem gênero definido, quero dizer que eu te amo muito, minha paulista preferida, de sotaque lindo, olhos lindos e um coração enorme.
Saudade do que eu ainda não vivi. O futuro não me interessa, mas espero que faça parte dele.

7 comentários:

  1. Abraço de pixels, haha *-* você me encanta em suas palavras

    ResponderExcluir
  2. Amei o texto. Amizade verdadeira pela internet é uma das coisas mais belas que há.


    Estou seguindo.

    ResponderExcluir
  3. aaah que bonitinho ceres *O* essas amigas virtuai são fofas mesmo. ASHDUISDH voltei com meu blog, e estou divulgamd \õ ( novidade ), vamos aproveitar que sou uma pessoas que aiiiinda está com disposição pra postar naquilo. beijinhos gata <3

    ResponderExcluir
  4. Awn *-*
    Muito lindo, fico até sem palavras.

    ResponderExcluir
  5. seguindo aqui amor *-* amei seu blog
    dá uma passada lá no nosso tbm: www.thetrashyfame.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. oown, que amor *-* amiga virtual é muito bom mesmo, eu tenho uma, e confio mais nela do que em mim! *-* beijao :*

    ResponderExcluir

© 2014 Conspiração Vital - Todos os Direitos Reservados | Design por Ceres Bifano, Diagramação por  Matheus Pacheco.