21/06/2012

Amadurecer


Mesmo que ha alguns anos alguém tivesse me contado que amadurecer era tão doloroso e que escapar de problemas familiares é (im)possível, eu continuaria sem me sentir preparada para a vida. Esperar por esses obstáculos não é a mesma coisa que ir tendo maturidade para enfrenta-los. Não saber como enfrentar e como modificar a sua vida perante a essa situação é doloroso, estressante e a raiva reprimida parece querer nos acompanhar em todos os caminhos.
Quando ao seu redor parecem só haver problemas é difícil enxergar dentro de si, é difícil enxergar que as vezes os problemas somos nós quem criamos e que não sabemos lidar com nada. O medo, mesmo que imperceptível, torna tudo em um monstro.
Lembra daquele filme "Onde Vivem Os Monstros?" É a mesma coisa conosco... os nossos monstros somos nós.
Eu tenho tido muita dificuldade pra descobri-los e domina-los, dificuldade de lidar comigo mesma e estou com muito medo de descobrir quem eu sou. Não quero descobrir que eu me transformei em algo que eu nunca quis ser.
O pior de estar frustrada comigo, é frustar e decepcionar as poucas pessoas que sempre me apoiaram quando eu sentia não ter mais nada.
Quem eu sou agora?

2 comentários:

  1. Eu entendo perfeitamente o medo que você tem. Porque eu já tive esse medo, sabe? De estar me tornando tudo que eu sempre repudiei. Foi complicado... Foi uma fase bem conturbada da minha vida. Mas como são fases, elas passam... E sabe a minha opinião? A gente nunca vai conseguir dominar totalmente todos os monstros que existem dentro da gente.
    Mesmo assim, adorei a sua referência ao filme, pois ele é tão lindo! Eu lembro de visitar seu blog há uns dois anos. E agora voltei, deu saudade desse mundo um pouquinho, tirei um tempinho e vim passear pela blogsfera. Tudo continua muito bonito por aqui!
    Um beijo, @pequenatiss.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom ter você de volta, Thaís!
      Fico feliz por ter gostado do texto!
      Beijos

      Excluir

© 2014 Conspiração Vital - Todos os Direitos Reservados | Design por Ceres Bifano, Diagramação por  Matheus Pacheco.