26/08/2013

A depender de mim


Sem mais rotinas, quero a minha autonomia!
Sair dessa mesmice, de me preocupar com essa vida adulta sem motivos.
Não, não é fugir das responsabilidades, é fazer o meu caminho, fora desse padrão ignorante que a 'boa conduta' nos impõem.

Quero cada samba de todos os cantos desta terra, vou é me jogar na roda!
Cada paisagem, cada pessoa, cada som será único e te verei em todos eles.
Todas as flores mais raras eu vou descobrir e me perfumar.
Quero todas as musicas da natureza, quero sentir esse mundo inteiro pulsando na minha liberdade.
Sem planos, sem mapas, sem roteiro, será inesperado como a primeira vez que te vi.

Essa é a minha vida e pela a minha lei, a gente vai ser feliz. É isso tudo que vai construir o meu ser, será a minha busca das respostas que nunca tive.

Serão várias alvoradas e crepúsculos de todos os ângulos possíveis. Será aquela água gelada que nos renova de várias fontes, seja do céu ou da terra. De estar descalço e sentir as vibrações do mundo que existe em mim. Cada descoberta, cada aprendizado será de choro e de alegria, de saudade e desapego. E cada sorriso, meu bem, será dedicado a você.
Faça o seu comentario!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

© 2014 Conspiração Vital - Todos os Direitos Reservados | Design por Ceres Bifano, Diagramação por  Matheus Pacheco.